• SANCTUS RANCORE

SANCTUS RANCORE

  • Modelo: 021
  • Situação: Disponivel
  • R$ 25,00

1.Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado.

2.Imagens meramente ilustrativas.

3.Pessoas com hipersensibilidade à substância não devem utilizar o produto.

4.Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o fitoterapeuta.

5.Não use o produto com o prazo de validade vencido.

6.Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o produto se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem.

7.Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

8.Este produto não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação de um fitoterapeuta.

9.Embora não existam contra-indicações relativas a faixas etárias, recomendamos a utilização do produto para pacientes de idade adulta.

10.Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação do fitoterapeuta.

11.O uso do produto durante o período de amamentação também não é recomendado.

12."SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O TERAPEUTA DEVERÁ SER CONSULTADO".


SANCTUS RANCORE é um floral auxiliar, que dilui a mágoa, o ódio e o rancor. É indicado para pessoas que guardam mágoas e rancores, sejam antigos ou recentes. Para pessoas que nunca conseguem perdoar, pessoas cuja frase preferida é: NUNCA MAIS. Sanctus Rancore consegue diluir as emoções densas de ódio e vingança em pouco tempo. Está comprovado que as emoções densas como o rancor, a mágoa e o ódio afetam diretamente seu DNA, provocando  doenças diversas, tanto no aspecto físico como no emocional.

SANCTUS RANCORE é um floral auxiliar. Pode ser  usado junto com os florais Lírio do Campo, Celebração e Religare. NÃO DEVE SER  USADO JUNTO COM QUALQUER OUTRO FLORAL AUXILIAR, PORQUE UM  FLORAL AUXILIAR NEUTRALIZA O EFEITO DO OUTRO.


De acordo com o OFÍCIO MS/SVS/GABIN/Nº 479/98, DE 23 DE OUTUBRO DE 1998: As essências florais não constituem matéria submetida ao regime de vigilância sanitária, a teor da Lei 6.360, de 23/9/1976 e seus regulamentos, não se tratando de medicamentos, drogas ou insumos farmacêuticos. Tal fato não exime, no entanto, a responsabilidade das empresas pela produção e comercialização dessas substâncias dentro dos padrões de qualidade adequados ao consumo da população. Neste sentido, na comercialização e venda dessas substâncias, não podem ser apresentadas indicações terapêuticas com finalidades preventivas ou curativas, induzindo o consumidor a erro ou confusão. 1. Houve alguma atualização quanto à regularização destes produtos perante a ANVISA? Resposta COFID: As essências vibracionais, a exemplo dos florais, permanecem como produtos não regulamentados por esta Agência, não sendo enquadrados como drogas, insumos farmacêuticos ou medicamentos. Não faz parte da agenda regulatória do biênio atual qualquer ação de regulamentação referente a esse tipo de produto. Portanto, no momento, não há previsão de que a Anvisa os regulamente. A GGMED não tem nenhuma previsão de atuação nesse sentido, considerando que é a área da Anvisa que regulamenta medicamentos. Assim, se lhes for dada indicação terapêutica, serão considerados medicamentos, e as normas para registro de medicamentos já publicadas deverão ser seguidas. 2. Qual o enquadramento atual para as "Essências Vibracionais" (florais)? Resposta COFID: Como esses produtos não são objeto de regulamentação sanitária, não há enquadramento para eles nesta Agência. Ressalte-se que, por não se tratarem de medicamentos, esses produtos não podem apresentar nenhum tipo de indicação terapêutica ou alegação de uso, sendo que o desrespeito a essa premissa constitui infração sanitária. 3. Qual o enquadramento de uma indústria para fabricar estes produtos? Resposta COFID: A GGMED trata apenas do registro de produtos, não atuando na regulamentação dos estabelecimentos, assunto regulado pela GGIMP. 4 . Usuária solicita informação sobre a regularidade de um medicamento/Produto floral. Esclarece que na embalagem consta a informação: Produto isento de registro conforme RDC 27 Resposta COFID: Florais não são registrados na Anvisa e, por isso, como não são medicamentos, não podem ter indicações terapêuticas nem referências a indicações em sua embalagem ou no nome comercial. Não existe na área medicinal medicamento isento de registro, portanto, todos devem estar registrados ou notificados junto à Anvisa.” (grifo nosso).



 

Especificações Gerais
Conteúdo Frasco de 30Ml
Modo de Usar USAR DOIS FRASCOS DE SANCTUS RANCORE ATÉ TERMINAR OS FRASCOS. NO SPRAY, PULVERIZAR NA PELE E FRICCIONAR UMA VEZ AO DIA. PRESSIONAR O SPRAY APENAS UMA VEZ.
Validade NÃO EXISTE PRAZO DE VALIDADE PARA FLORAIS.

Escrever Comentário

Por favor faça seu Login ou Cadastre-se para faze um comentário.


Tags: rancore, ivandelio sanctu, uberaba, terapeuta, floral